O “VIRUS” da falta de caráter

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

Estamos vivendo momentos dificílimos em nosso querido Brasil. Hoje uma das palavras que mais ouvimos é “crise”.

Realmente não podemos negar o fato de que estamos vivenciando os mais variados tipos de crise. Crise financeira, crise econômica, crise do desemprego, crise na saúde pública, crise na educação, crise política, crise na justiça, crise na segurança pública, crise por toda parte, crise em todas as classes sociais, crise em todas as esferas. Crise nos três poderes: O executivo, o legislativo e o judiciário.

Mas a crise que mais se evidencia em nossos dias, é a crise da falta de caráter por parte da grande maioria dos que estão nos Poderes: Executivo, Legislativo e Judiciário da nossa querida Pátria. E que, infelizmente, se alastrou rapidamente vitimando, contaminando, contagiando, infectando gravemente milhões de pessoas pertencentes a todas as classes sociais.

A falta de caráter sadio virou uma pandemia, e parece que o “vírus da falta de caráter” é extremamente contagioso, mutante, e se instala com muita rapidez no coração e na mente do homem.

Aqueles que são vitimados por este vírus da falta de caráter, tornam-se cínicos, mentirosos e inconsequentes, ao ponto de se juntarem e confessarem que: “em seus ajuntamentos formam os metros quadrados mais densos de hipócritas, de blasfemos, de mentirosos, de traidores”, etc.

Tudo isto, além das agressões verbais, das pedaladas, da “cusparada”, e de outras baixarias.

Vejam em que situação nos encontramos e a que ponto chegamos em nosso Brasil. Uma situação triste e vergonhosa para todo o nosso povo, que está cansado de ser explorado e massacrado devido aos desmandos, as irresponsabilidades, a incompetência administrativa, e falta de honestidade de uma grande parte dos que se encontram no poder.

É chegada a hora de pararmos para pensar, refletir e perceber que a nossa maior crise é: a crise moral, a crise ética, a crise de caráter.

É urgente e extremamente necessário que iniciemos um processo de reconstrução do nosso Brasil. Mas é imprescindível que os nossos governantes, nossos líderes deem início a um processo de desenvolvimento de uma mentalidade renovada, totalmente curados do “vírus da corrupção”, do “vírus da ganância”, do “vírus da desonestidade”, do “vírus da avareza” e do “vírus da falta de caráter”.

Precisamos ter uma escala de valores morais bem elevados, princípios consonantes com a vontade de Deus e um sólido código de ética que nos levem a um caráter íntegro.

O Dr. Myles Munroe diz o seguinte: “Os líderes que surgiram hoje em dia parecem acreditar que as principais qualidades necessárias para lidar com a nossa atribulada e exigente época são as seguintes: Grande visão;

Superioridade acadêmica e intelectual;

Oratória dinâmica e outras habilidades de comunicação que tenham o poder de persuadir;

Conhecimentos administrativos;

Habilidade de controlar pessoas.

Entretanto a história, constantemente, mostrou que a qualidade mais importante que um verdadeiro líder deve possuir é a força moral de um caráter nobre e estável”.

Concluo fazendo minhas as palavras que o Apóstolo Paulo disse a Tito “ensinando-nos que, renunciando à impiedade e as concupiscências mundanas, vivamos neste presente século sóbria, justa e piamente” (Tito 2: 12-13).

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Sobre Pr. Brito

Pastor Presidente da IEBV.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *