Procura-se ‘JÓS’ – Caos Ético e Moral na Sociedade Capixaba

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×

“…Homem íntegro, reto, temente a Deus e que se desviava do mal (Jó1:8)”

O escritor Machado de Assis certa vez disse “A Oportunidade Não faz o Ladrão” – o Professor Mário Sergio Corttela acrescentou “A ocasião apenas o revela”

A decisão de ser honesto e integro é anterior a ocasião.

Com a Paralisação da PM no Espírito Santo, cidadãos comuns foram vistos realizando saques em lojas e supermercados. A ausência da polícia revela uma realidade assustadora: o caos ético, ou seja, a falta de ética, que é a capacidade da consciência de Escolher, Decidir e Julgar e o caos moral que se encontra o nosso  estado e país.

Uma das palavras mais difíceis de lidar com ela por parte dos “EVANGÉLICOS” é “INTEGRIDADE”. Viver uma vida irrepreensível diante da sociedade e principalmente diante de Deus é algo que não atrai os modernos crentes do século XXI. Esta palavra é muito usada e citada nos meios políticos, nos programas de candidatos a um cargo na vida pública e até nas igrejas. Mas qual é o seu verdadeiro significado? “INTEGRIDADE” vem do latim “INTEGRITATE”, na raiz significa “INTEIRO” que não se fragmenta, em nosso contexto de igreja ser integro quer dizer em: não ter uma face religiosa e outra profissional, não ter uma face religiosa e outra comercial, não ter uma face religiosa e outra estudantil, não ter uma face religiosa e outra Familiar, ou seja é você vivenciar sua espiritualidade e sua fé firmemente na igreja ou em qualquer lugar onde você esteja ou qualquer que seja a circunstancias

Integridade é a qualidade de íntegro, inteiro, inteireza, retidão, pureza etc. Íntegro é o indivíduo que sente, pensa, fala e age da mesma forma, isto é, há coerência entre aquilo que ele pensa, fala e age.

 

Quando a polícia se torna a regra de conduta das pessoas para serem integras, o instrumento de controle que as impede de cometer crimes, percebe-se a falta de consciência ética e moral.

É necessário salientar,  que quando falta integridade na vida de uma pessoa, ela passa a ter duas caras, o seu caráter e a sua conduta passam a ser ambíguos. A pessoa sem “INTEGRIDADE” vive de uma maneira na igreja, de outra na sociedade e de outra no trabalho. Ela não possui equilíbrio nas suas posições. A Bíblia diz: “MELHOR É O POBRE ÍNTEGRO EM SUA CONDUTA DO QUE O RICO PERVERSO EM SEUS CAMINHOS” – Provérbios 28:6. É importante frisar que a integridade não tem preço, cor, razão social ou nacionalidade. Uma pessoa íntegra não anda preocupada, ela não tem necessidade de devolver na Delegacia os produtos furtados, por serem vistos pelas câmeras de segurança e por aparecerem nas redes sociais com os produtos furtados nas mãos, ela não precisa se valer dos famosos “JEITINHOS” para se safar de situações inusitadas criada pela sua conduta.

 

Estamos vendo neste período em que o nosso Estado esta passando, com a retirada da PM, o desejo latente de um povo corrupto e sem integridade alguma. Idiotice pensar que só políticos são desonestos, diante da oportunidade, muitos estão se revelando criminosos.

Se precisamos de polícia para sermos honestos e íntegros, somos uma sociedade de bandidos soltos!

A integridade não é governada pela presença de outros. Ela tem uma motivação interna, e não externa.

Jó era amigo de Deus. Não é o nome que define nosso caráter e nem a ocasião, mas nosso compromisso com Ele. Independente de qualquer coisa que você esteja passando, você pode decidir obedecer a Deus e servi-Lo sempre, tendo assim uma vida Integra que agrada a Deus.

Concluo, contando a história de um homem e de seu filho pequeno, que “pararam em um campo de milho isolado em uma estrada rural afastada” e viram as deliciosas espigas do outro lado da cerca. O pai, depois de olhar para frente, para trás, para a esquerda e para a direita, “começou a escalar a cerca” para apanhar algumas espigas de milho. O filho olhou para ele e disse em tom reprovador: “Pai, o senhor se esqueceu de olhar para cima”

Adicionar aos favoritos o Link permanente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *